+ analise

Taxa Selic em 2,25% ao ano: a menor taxa de juros da história do Brasil.

Tem muita gente que está com saudades da Selic em patamares de 12% a 14% ao ano. Por muitos anos, o Brasil foi o paraíso para os investidores de renda fixa e percentual de CDI. Seja nos CDBs, seja no Tesouro Direto, seja nas LCIs, seja nos fundos Di, seja nos PGBLs.

Quem investia R$ 100 mil com taxa de juros de 14%, ganhava R$ 11.900 de juros por ano, já descontados o imposto de renda.

Quem tinha R$ 1 milhão, ganhava R$ 119 mil por ano de juros, o que representava um ganho mensal líquido do imposto de renda de quase R$ 10 mil.

Hoje com selic a 2,25%, esses mesmos R$ 1 milhão, rendem R$ 19,1 mil por ano, ou R$ 1.593 por mês.

Para quem é bom juros menores:

-Bom para pessoas e empresas que precisam tomar um crédito.

-Bom para o empreendedorismo no Brasil. Seja para startups, seja para pequenas empresas. Porque teremos mais investidores dispostos a assumir riscos.

-Bom para o desenvolvimento econômico do Brasil. Mais investimentos no setor real da economia.

-Bom para diminuir a desigualdade social.

-Bom para o mercado de ações e setor imobiliário (aqui sempre com muita cautela e análise).

-Bom para reduzir os juros dos créditos com a portabilidade de crédito.

A enterrada da Selic Foto: 500px

A enterrada da Selic