Espaço Rock

Um Espaço que mostra o que afeta sua Vida Financeira:

  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Se álgebra fosse necessário, Warren Buffett venderia Jornal

    Segundo Warren Buffett, as habilidades matemáticas necessárias para ser um grande investidor são: soma, subtração, multiplicação e divisão. Ele disse: "Se cálculo e álgebra fossem pré-requisitos para um grande investidor, eu teria que voltar a entregar jornais.

    Sabemos que os produtos bancários e de investimentos tem uma formula matemática complexa. Então, como poderemos resolver com matemática básica? 

    Podemos resolver com ajuda de ferramentas corretas como simuladores que ajudam a indicar qual é o melhor caminho. 

    Algebra? Foto: 500px

    Algebra?

  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Warren Buffett: Regras número 1 e 2

    Regra número 1: Nunca perca dinheiro. Regra número 2: Nunca esqueça da regra número 1. Se você ganhar sempre 10% ao ano, vai precisar de 7 anos e 4 meses para dobrar seu capital. Agora, se no primeiro ano perdermos 50%, para recuperar teremos que ganhar 100%. Imagine que você tinha R$ 100 e perdeu 50%, então agora tem R$ 50. Para voltar aos R$ 100, seria necessário subir 100%. Com ganhos de 10% ano, teríamos que esperar mais 7 anos e 4 meses para voltar a ter R$ 100. 

    Importante é sempre ganhar todos os anos de maneira consistente. Portanto, nunca perca dinheiro. 

    Quais são suas regras? Foto: 500px

    Quais são suas regras?

  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Já assisti muito vídeos de educação financeira e as minhas finanças continuam podres.

    Já pesquisamos muita coisa no google sobre finanças pessoais, sobre investimentos, sobre crédito e sobre renegociação. Já assistimos muitos vídeos no youtube e até compramos uns cursos com os ditos mestres e guru das finanças. A pergunta que fica é porque nossas finanças não melhoraram? Por que continua tudo igual? Por que continuamos com muitas dúvidas financeiras?

    A resposta é simples. Faltam:

    -Metas, objetivos e plano de ação

    -Um modelo para as pessoas seguirem o passo a passo

    -Boas Ferramentas 

    -Um sistema de acompanhamento

    -Professores, treinadores ou coachs

    -Ação

     

    Cadê a Educação Financeira? Foto: 500px

    Cadê a Educação Financeira?

  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Viver acima ou abaixo das minhas possibilidades?

    Hoje a grande maioria das pessoas vive acima ou abaixo das suas possibilidades. Uma pessoa que gasta muito e que tem um padrão de vida acima das suas possbilidades terá muitos problemas financeiros. Uma vida de dívidas, de nome sujo e de perda de muito dinheiro. 

     

    Por outro lado, temos as pessoas que vivem abaixo das suas possibilidades, ou seja, comprometem demais sua vida com economias e se privam das coisas boas da vida. Tentam economizar nos mínimos centavos e não dão a liberdade de fazer o que gostam.

    Existe o caminho do meio, que é o caminho do equilíbrio financeiro, que significa que temos que aproveitar a vida hoje e ter recursos para curtir a vida no futuro próximo. Viver a liberdadde e ter a segurança. Para isso, basta um pouco de conhecimentos financeiros, de habilidades e muita ação.

    Viver abaixo das expectativas? Foto: 500px

    Viver abaixo das expectativas?

  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Teatro para Finanças e o Método de Stanislavski

    Muitas escolas de teatro no Brasil e nos EUA utilizam o método de Constantin Stanislavski. Os aspectos dos estudos de Stanislavski sobre o realismo psicológico e a vivência de emoções autênticas em cena atraíram muitos atores. O aprendizado do Teatro tornava-se simples pela aplicacão do método, o que permitia uma rápida e forte evolução do ator.

    Infelizmente, no caso das Finanças pessoais não existe um método, um sistema que seja realmente reconhecido. Existe muita teoria e praticamente muitos sistemas se resumem em controle de gastos. 

    None
  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    O tolo e o sábio. Provérbios 17:16

    Provérbios 17:16. De que serve o dinheiro na mão do tolo, já que ele não quer obter sabedoria. A grande maioria das pessoas que ganham na loteria perdem todo o dinheiro depois de um tempo.Muitas pessoas de sucesso ganham muito dinheiro, mas depois perdem quase tudo.

    Muitas pessoas tem muitas casas, mas vivem apertadas.

    O problema é a falta de sabedoria para administrar e utilizar o dinheiro, seja do ponto de vista de investimentos, seja do ponto de vista de gestão e planejamento; ou se coloca em projetos ou investimentos que são perda na certa.

    Tem uma pessoa que ganhou R$ 10 milhões, comprou uma fazenda e bois para engorda e venda. Durante 10 anos trabalhou muito e depois perdeu tudo. Se tivesse colocado no Tesouro Direto Selic com 10%, poderia ter uma renda de R$ 68 mil por mês sem fazer nada e com a preservação dos R$ 10 milhões como capital. Precisamos de sabedoria para entender onde é melhor investir, se vale a pena tomar um crédito e como controlar os gastos.

    None
  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    7 regras para ser rico

    Sabedoria diz que você deve seguir 7 regras para se tornar financeiramente rico:

    1º Regra: Tenha um objetivo, tenha um plano e execute esse plano  

    2º Regra: Gaste menos do que você ganha. Invista a diferença.

    3º Regra: Ganhe mais e invista a diferença

    4º Regra: Reduza taxas e impostos

    5º Regra: Obtenha melhores retornos

    6º Regra: Mude seu estilo de vida

    7º Regra: Não jogue. Não aposte sua casa

    None
  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Gastamos mais porque temos um padrão de vida acima da nossa renda

    Todos nós queremos ter um belo padrão de vida. Porém, todas as vezes que subimos nosso padrão de vida, subimos nossos gastos. Queremos uma casa melhor, pagaremos uma prestação da dívida maior, teremos maiores gastos com o condomínio e IPTU. Quando compramos um carro melhor, gastaremos mais no IPVA, seguro e na prestação do crédito. Colocamos as crianças em uma escola top, mas pagamos uma mensalidade maior.

    Todos nós merecemos um padrão de vida melhor, principalmente resultante do esforço do nosso trabalho. Porém, muitas famílias adotam um padrão de vida acima da sua capacidade de renda.

    As consequências disso é uma piora do padrão de vida. Ou seja, sem capacidade de pagar as contas e o crédito, a tendência é uma substancial piora na qualidade de vida de uma família. 

    Muito melhor ter uma vida tranquila, sem preocupações e viver em paz que comprar muitas coisas que não se consegue pagar.

    None
  • Foto de RockTheBank
    RockTheBank Rubi

    + analise

    Não é quanto ganha, mas quanto gasta

    À medida que nossa renda aumenta, nossos gastos também aumentam. Então, temos 3 consequências possíveis: a)  Para quem é gastador, a tendência é gastar ainda mais acima da renda. Ou seja, seu problema aumenta.

    b)  Para quem é poupador, a tendência é poupar mais ainda. Ou seja, vai ficando mais rico.

    c)  Para quem é neutro, a tendência é sempre gastar tudo o que tem. Ou seja, não acontece nada.

    Gastamos mais, porque queremos dar o melhor para a nossa família. Gastamos mais para comprar algo que sempre quisemos, gastamos mais para realizar nossos sonhos. Compramos um carro melhor, uma casa maior, realizamos uma viagem internacional melhor.

    O problema de endividamento não está relacionado com o quanto a pessoa ganha, mas o quanto a pessoa gasta.

    O endividamento é um reflexo dos hábitos das pessoas e não do nível de renda.

    None