Espaço Rock

Um Espaço que mostra o que afeta sua Vida Financeira:

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Notícia

    Conta de energia terá redução de 20% com a bandeira verde

    A partir de 16 de abril, todos os consumidores de energia elétrica do Brasil terão bandeira verde, o que reduzirá a conta de luz em 20%.

    A expectativa do Ministério das Minas e Energia é que a bandeira verde permaneça até o final do ano, não havendo mais acréscimo.

    Essa é uma ótima notícia para o bolso do consumidor, vez que, em setembro de 2021, houve a bandeira Escassez Hídrica, que subiu a conta de energia devido a um período de seca, o pior em 91 anos.

    Assim, até o dia 15 de abril, estará em vigor a bandeira de Escassez Hídrica, que determina a cobrança de R$ 14,20 a cada 100 kWh consumidos. Tal suspensão será possível, graças aos reservatórios das hidrelétricas que estão cheios, cujas chuvas permitiram o desligamento das usinas termelétricas.


    Mas lembre-se: não é porque a conta será mais barata que você não vai controlar seu gasto de energia, ok?

    Ótima notícia para o bolso do consumidor! Foto: shutterstock

    Ótima notícia para o bolso do consumidor!

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Enquete

    Qual o melhor aplicativo para controle de gastos?

    Vote de acordo com suas experiências: positivo ou negativo.

    • 14 0
      14 pontos
      Guiabolso

      Guiabolso

    • 5 0
      5 pontos
      Mobills

      Mobills

    • 3 0
      3 pontos
      Organizze

      Organizze

    • 1 0
      1 ponto
      Minhas Economias

      Minhas Economias

    • 1 0
      1 ponto
      B3

      B3

    • 1 0
      1 ponto
      Idec

      Idec

    • 0 -1
      -1 ponto
      Google Planilhas

      Google Planilhas

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Análise

    Economizando com a Carteira Digital de Trânsito (CTD)

    Muita gente não sabe, mas desde 2019 foi lançada a Carteira Digital de Trânsito com CNH e documento do veículo, chamado CDT. Porém, muitos que souberam, ainda não usaram o serviço. Apesar de sua obtenção ser opcional, muitos não sabem que ter CTD pode ajudar a economizar uma graninha, além de ser uma forma segura de ter seus documentos sempre à mão.

    - Evita multa por atraso no pagamento de documento e multas

    Ao instalar o aplicativo no Android ou iOS, o usuário tem acesso a serviços como notificações com relação ao vencimento da CNH, consultar situação e histórico de infrações e multas recebidas tanto pelo condutor como pelo veículo, no caso de automóveis comprados recentemente ou utilizados por mais de uma pessoa.

    Muitos não recebem a correspondência seja por perda, por esquecimento, seja porque o endereço de recebimento não é o mesmo. Independe o prazo corre e, se findado, incorre em juros e multas. Sendo notificado pelo celular, não há risco de você não receber uma correspondência e deixar de pagar multas e juros por atraso no pagamento de impostos e de multas de trânsito que recebeu, evitando que você perca dinheiro.

    Aliado a isso, ao ser pego dirigindo com documento vencido, o carro é apreendido. Além do gasto da multa aplicada, você quem arca com as diárias do pátio para onde o carro foi apreendido, que só é liberado após pagamento do documento atrasado, da multa, das despesas e de reparações de outras irregularidades no veículo que forem identificadas, como farol quebrado, vidro, pneu careca etc.

    Mas óbvio que, não adianta ter o app, saber das multas por infrações, vencimentos de documentos entre outros e não pagar.

    - Evita multa por esquecer a CNH

    Se o condutor ao ser abordado não estiver portando a CNH, nem houver a possibilidade de consulta on-line do registro da habilitação e apresentação da CNH dentro de 30 dias, também é multado.

    Como a CNH Digital é uma versão digital (eletrônica) da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), com o mesmo valor jurídico da impressa, você não precisa portar o documento físico. Portanto, ao ser abordado tendo em mãos a CNH digital você evita aplicação de multa.

    Lógico que, ainda assim é cauteloso ter a carteira física em mãos, caso fique impedido de acessar a CNH digital, nos casos em que o celular descarrega, perda, esquecimento, roubo ou furto.

     

    Antes do CDT, o app apresentava apenas uma versão digital da CNH. Mas o motorista não tinha controle das infrações, validade dos documentos, renovação digital, aviso de recallsde automóveis entre outros. Isso foi possível com o CDT que substituiu a CNH Digital, além disso, dispensou a necessidade de comparecimento ao Detran (Departamento Nacional de Trânsito) para ou uso de certificado digital, basta ter a CNH com QR Code.

    Podem usar o app do CDT, qualquer condutor que tenha sua CNH emitida depois de maio de 2017, data em que o documento passou a conter um QRCode identificador.

    As CNHs emitidas antes desta data terão o QR Code somente depois de renovadas, o que deve ser feito no prazo estipulado no documento.

    Para informações sobre como instalar o app, acesse: https://www.gov.br/pt-br/servicos/obter-carteira-digital-de-transito

    Poupe-se de perder dinheiro Foto: 500px

    Poupe-se de perder dinheiro

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Notícia

    Dividir pagamentos pelo Facebook Messenger?

    Dividir pagamentos é nova ferramenta a ser implementada no Facebook Messenger. Os testes começaram nesta semana. 

    Será uma ferramenta para dividir contas e oferecerá opões de dividir os valores igualmente entre os amigos, selecionar um valor específico para cada um e o organizador da vaquinha poderá inserir mensagem personalizada descrevendo o pagamento aos participantes.

    Assim será possível “rachar” a conta pelo Messenger, por exemplo, o valor do almoço, do aluguel, do supermercado, dos ingressos do cinema ou show, de passagens, de presentes, de organização de festas etc. A ferramenta funciona de forma integrada ao Facebook Pay.

    Esse recurso de dividir conta integrado ao bate-papo do Messenger começou nos EUA e, de acordo com a Meta, a ferramenta denominada “Split Payments”, não possui nenhuma taxa e pode ser encontrada nas conversas em grupo e na central de pagamentos do mensageiro, bastando clicar em “começar” e fornecer as informações essenciais para a divisão do valor pretendido.

    Dividindo contas com amigos Foto: shutterstock

    Dividindo contas com amigos

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Análise

    Black Friday: o desconto é maior quando não se compra

    Em busca de controlar os gastos para comprar aquele produto que precisava ou até mesmo para cumprir aquele sonho de consumo de forma mais barata, muitos esperam pela famosa Black Friday para realizar suas compras com descontos.

    Contudo, às vezes o barato pode sair caro e se o consumidor não estiver muito atento, acaba caindo em ciladas e gastando mais dinheiro.

    Isso porque no período de Black Friday muitas lojas aproveitam da fama de “comprar barato” e engana os consumidores com preços até mais caros que os normais como se fosse em promoção, não cumprimento do que foi acordado na compra, impossibilidade de comprar com o valor promocional, cancelamento de compra, atraso na entrega u não entrega do produto, mudança de preço e produto indisponível.

    De acordo com o Reclame Aqui, o número de clientes insatisfeitos no período de Black Friday neste ano de 2021 subiu cerca de 11% em relação ao ano passado. Foram registradas mais de 16 mil reclamações.

    Segundo Ranking do Reclame Aqui, as lojas mais reclamadas foram:

    1º Americanas Marketplace

    2º Americanas - Loja on-line

    3º Magazine Luiza - Loja on-line

    4º Amazon

    5º Casas Bahia - Loja on-line (ganhou no Twitter a hashtag #BlackFraudedeCasasBahia por não oferecer o desconto prometido, não tendo o desconto sido aplicado no carrinho dos clientes, açé, de ter cancelados pedidos de clientes que conseguiram aproveitar a promoção

    6º iFood (teve 309 reclamações, sendo a maioria de "Propaganda enganosa" por, aparentemente, não deixar as condições de cada promoção explicitas no app)

    7º KaBum!

    8º Mercado Livre

    9º Ultragaz (prometeu descontos em botijões de gás, mas não atendeu às expectativas dos clientes)

    10º Etna Home Store (recebeu reclamações sobre a demora na entrega)

    Portanto, antes de querer aproveitar a data para comprar com descontos a fim de controlar os gatos, é necessário analisar e ver as oportunidades, comparar preços e ler referências dos clientes que já realizaram a compra para saber reclamações, o cumprimento do tempo de entrega, a qualidade do produto etc.

    Assim, a habilidade do comprador fará com que realmente o Black Friday seja benéfico para o bolso, caso contrário, o maior desconto é realmente não comprar.

    Na nossa página EDUCAÇÃO FINANCEIRA há disponível o curso CONTROLE DE GASTOS para aprender a realmente controlar seus gatos.

    Sempre fuja da "Black Fraude" Foto: shutterstock

    Sempre fuja da "Black Fraude"

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Análise

    Não diminua seu score! Use os simuladores da Rock

    O score de crédito é a “nota” dada a uma pessoa de acordo com o seu histórico de pagadora. Ele considera uma série de variáveis para avaliar qual é a probabilidade de alguém pagar as contas em dia nos próximos 12 meses. Quanto maior a pontuação, mais fácil será ter acesso a diversas modalidades de crédito.

    De 0 a 300 é considerada faixa baixa; de 301 a 500: faixa regular; de 501 a 700: faixa boa; e de 701 a 1000: faixa excelente.

    Não há segredo para aumentar o score, basta estar em dia com todos os tipos de dívidas: bancárias, luz, água, internet, gás entre outras. Quando você renegocia uma dívida e paga as parcelas em dia também aumenta o score.

    Por outro lado, algumas condutas também podem diminuir seu score: atrasar o pagamento de contas, tomar um empréstimo recentemente, renda mensal diminuiu etc.

    Consultar crédito em vários bancos também diminui o seu score. Se você anda de banco em banco consultando opções de crédito e linhas de empréstimo, seu score diminui. Assim, pesquisar várias opções de crédito e não aceitar, é visto como sinal que não esteja em condições de arcar com esses compromissos.

    Para evitar que você consulte crédito nos bancos ou financeiras, que fará com que diminua seu score, saiba que utilizando os SIMULADORES da Rock, você não precisará ir de banco em banco, nem afetar sua pontuação.

    Isso porque, além de poder usar os nossos simuladores gratuitamente quantas vezes quiser para simular vários tipos de crédito, na página SEU BANCO você encontra as taxas atualizadas de todos os produtos de crédito dos bancos. Assim, além de não precisar ir aos bancos e financeiras simular créditos e diminuir seu score, também não precisará ir de banco em banco para saber suas taxas para usar os simuladores.

    - Para acessar as taxas dos bancos: https://rock.com.br/seu-banco/taxas/

    - Para acessar os simuladores: https://rock.com.br/simuladores/

    Mantendo o seu score lá no alto! Foto: shutterstock

    Mantendo o seu score lá no alto!

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Notícia

    Governo sanciona lei que obriga a atualização do cadastro dos beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica

    A Tarifa Social de Energia Elétrica é um benefício criado pelo Governo Federal para beneficiar as unidades residenciais de famílias com baixa renda e corresponde a um desconto na conta de energia elétrica, concedido aos primeiros 220 kWh consumidos mensalmente por clientes residenciais.

    Há redução da tarifa de consumo de energia elétrica em até 65%, para Indígenas e Quilombolas até 100%.

    Os descontos são decrescentes e cumulativos, à medida que o consumo vai evoluindo, até o limite de 220 kWh/mês, ou seja, quanto menor for o consumo, maior será o desconto na sua fatura:

    • Consumo mensal até 30kWh – desconto de 65%
    • Consumo mensal de 31 kWh a 100 kWh – desconto de 40%
    • Consumo mensal de 101 kWh a 220 kWh – desconto de 10%
    • Consumo Superior a 220 kWh – desconto de 0%

     

    A Lei 12.212, de 20 de janeiro de 2010, trata de quais consumidores poderão ser beneficiários de desconto na conta de energia elétrica.

    - Famílias que se enquadram em um dos critérios:

    • Inscritas no CadÚnico, com renda familiar mensal, por pessoa, menor ou igual a meio salário-mínimo nacional; ou
    • Usufruem do Benefício da Prestação Continuada da Assistência Social (BPC), do INSS (Instituto Nacional de Seguro Social), caracterizado pelas espécies: 87 – Amparo Assistencial ao Portador de Deficiência; ou 88 – Amparo Assistencial ao Idoso – conforme disposto nos artigos 20 e 21 da Lei 8.742 de 1993; ou​
    • Inscritas no CadÚnico com renda mensal de até três salários-mínimos, com pessoa portadora de doença ou patologia em que o tratamento ou procedimento médico exija o uso continuado de equipamentos que funcionam com energia elétrica.

     

    A referida Lei já prevê o dever de informar sobre o direito à tarifa social às famílias inscritas no CadÚnico que atendam às condições estabelecidas, contudo não previa a inscrição automática para recebimento do benefício.

    Dessa forma, o acesso ao benefício estava sendo prejudicado, seja porque havia a necessidade de as famílias de baixa renda terem de se deslocar às concessionárias para formalizarem o pedido, seja porque a baixa escolaridade dos beneficiários e a dificuldade de compreender as instruções para obtenção do benefício representava um impedimento para que o requeresse.

    Também foi constatado que os potenciais beneficiários não estariam sendo informados de forma adequada de seu direito ou não estariam sendo capazes de apresentar toda a documentação exigida para a comprovação, sendo excluídos do referido benefício, ainda que enquadrados nos requisitos da referida lei.

    Assim, visando simplificar a inscrição no programa de Tarifa Social de Energia Elétrica, o Governo sancionou a Lei nº 14.203, de 10 de setembro de 2021, para tornar obrigatória a atualização do cadastro dos beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica, adicionando um parágrafo único no art. 4º da Lei nº 12.212, de 20 de janeiro de 2010:

    “Art. 4º .........................................................................................

    Parágrafo único. O Poder Executivo e as concessionárias, permissionárias e autorizadas de serviço público de distribuição de energia elétrica deverão compatibilizar e atualizar a relação de cadastrados que atendam aos critérios fixados no art. 2º desta Lei e inscrevê-los automaticamente como beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica.

    Inscrição automática para recebimento do benefício Foto: 500px

    Inscrição automática para recebimento do benefício

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Análise

    Como limpar o seu nome no Serasa com desconto

    Sabia que tem como você limpar seu nome de forma bem simples no Serasa e com descontos incríveis? O credor pode propor acordos com até 90% de desconto.

    Isso mesmo! Nem todo mundo sabe disso, mas você pode negociar a sua dívida com o Serasa e pagar bem pouco em relação ao valor da dívida inscrita e ter o seu nome limpo rapidinho.

     

    O passo a passo é simples:

    1. Adicione o whatsApp Business do Seresa: (11) 99575-2096. Não se preocupe! Essa é a conta comercial oficial do Serasa;

    2. Mande a seguinte mensagem: “oferta” ou “acordo”;

    3. Em seguida, pedirão para informar o seu CPF para consultar suas informações. Os dados que fornecer serão tratados conforme a LGDP – Lei Geral de Proteção de Dados;

    4. Após informar o seu CPF, pedirão para informar sua data de nascimento;

    5. Suas informações serão carregadas e o Serasa te apresentará oferta de acordo para as dívidas inscritas. Tudo é especificado: empresas credoras, as dívidas, vencimento das dívidas, valores atuais das dívidas, tipo de dívida, valor e porcentagem de desconto e o valor da oferta a ser paga à vista;

    6. Darão uma opção para escolha: 1- gerar boleto à vista e 2- voltar para ofertas;

    7. Escolhendo a opção 1, o Serasa conclui o acordo e gera o boleto enviando a você os termos de uso para aceitar ou não;

    8. Teclando em Sim para gerar o acordo, um código de barras e o arquivo PDF do boleto é lhe enviado para efetuar o pagamento;

    9. Confira todos os dados constantes do boleto do acordo firmado antes de realizar o pagamento.

     

    Pronto! As dívidas negativadas podem ser excluídas do seu nome em até 5 (cinco) dias úteis após o pagamento. Caso este prazo passe e a dívida não seja excluída do cadastro de inadimplentes, entre em contato diretamente com a empresa com quem você negociou.

    Lembre-se que: a exclusão de todas as dívidas negativadas se dará apenas se você conseguir pagar todas elas.

    É possível que você não encontre a empresa com quem gostaria de negociar. Isso pode acontecer se a empresa não for uma das parceiras do Serasa ou se ela não possuir uma oferta de negociação para a sua dívida.

    Outros serviços são disponibilizados serão disponibilizados outros serviços que realizar: ofertas, acordos, segunda via do boleto, score, premium, eCred e Cadastro Positivo.

    A partir do momento que enviar mensagem, tudo é bem explicado e você seguirá os passos de acordo com o seu interesse.

     

    Serasa Limpa Nome

    Essa possibilidade de acordo é fruto do Serasa Limpa Nome, uma ferramenta que permite a interação entre os credores parceiros do Serasa e os seus devedores, cujas dívidas vencidas e não pagas tenham ou não sido incluídas no cadastro de inadimplentes.

    As ofertas de negociação de dívidas são incluídas no Limpa Nome pelas empresas credoras, de acordo com as políticas internas de cada uma delas, sem nenhuma interferência do Serasa.

    Assim, a responsabilidade pela oferta e condições do acordo, geração dos boletos, recebimento de valores e cobrança das dívidas é exclusiva das empresas credoras.

    As empresas credoras poderão incluir ofertas para negociar as suas dívidas, classificadas no Limpa Nome da seguinte forma:

    i. Dívidas Negativadas: são as que foram negativadas pelas empresas credoras no cadastro de inadimplentes do Serasa;

    ii. Contas Atrasadas: são as dívidas com o prazo de pagamento vencido, mas que não estão negativadas no cadastro de inadimplentes do Serasa. Dívidas vencidas há mais de 5 anos não são negativadas.

    iii. Demais dívidas poderão ou não ser incluídas no Cadastro de Inadimplentes do Serasa, a critério da empresa credora, de acordo com as suas políticas internas. A inclusão de dívidas no Cadastro de Inadimplentes somente é realizada após envio de comunicação prévia específica para esta finalidade.

    Dívidas vencidas e não pagas podem ser incluídas no cadastro de inadimplentes do Serasa a critério exclusivo da empresa credora. Dívidas com mais de 5 anos não são incluídas no cadastro de inadimplentes.

    As simples ofertas de acordo para pagamento de “contas atrasadas” de sua titularidade, que venham a ser cadastradas pelos seus credores na plataforma Serasa Limpa Nome, não são utilizadas no cálculo do seu Serasa Score. Entretanto, se você optar por aceitar algum dos acordos, o seu pagamento poderá gerar bonificações em sua pontuação (indicadas no site como “Turbo”).

    Mas atenção: para manutenção das bonificações geradas pelo Turbo, é importante não atrasar nenhum pagamento, pois a quebra do acordo ou o cadastramento de novas propostas pelos seus credores podem acarretar a perda da bonificação do Turbo. Assim, você tem ciência e concorda que a Serasa Experian pode utilizar a informação de pagamento de acordos negociados por meio da plataforma do Serasa Limpa Nome, nos termos da legislação vigente, no cálculo do seu Serasa Score com a finalidade de proteção ao crédito a fim de apoiar os clientes que contratam as soluções da Serasa Experian a realizar negócios e análises de risco de crédito, administrar a carteira de clientes e gerenciar cobranças.

    Caso você tenha alguma dúvida sobre as propostas de negociação ou condições de pagamento, entre em contato com a empresa credora pelos canais de atendimento apresentados no momento da negociação.

    Limpe seu nome sujo Foto: shutterstock

    Limpe seu nome sujo

    • Foto de Nure
      Nure

      Fiz isso e tive desconto de 60% :) Obrigada por isso!

      +
  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Notícia

    Bônus de desconto na conta de energia: Programa de Incentivo já está valendo

    Até agora o que se sabe é que, até 22 de abril de 2022, a conta de luz terá uma nova bandeira tarifária: escassez hídrica que aumentará em 6,78% a conta de luz dos brasileiros.

    Quanto mais economizarmos energia, melhor para o nosso bolso, não é mesmo?

    Em 31/08/2021 foi instituído o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica criado pela Creg (Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética), com o objetivo de estabelecer medidas emergenciais para o enfrentamento da atual situação de escassez hídrica, a fim de garantir a continuidade e a segurança do suprimento eletroenergético no País.

    O primeiro estágio do Programa vigerá por quatro ciclos de faturamento, contados a partir de 1º de setembro de 2021.

    Quem economizar poderá receber um bônus de R$ 50,00 por 100 KWh reduzidos, limitado à faixa de economia entre 10% e 20%. Cidadãos de baixa renda que aderem à tarifa social também poderão participar.

    Como será aplicado:

    Será concedido bônus em fatura, no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais) para cada 100 (cem) kWh, em contrapartida da redução média verificada do consumo de energia elétrica em montante igual ou superior a 10% (dez por cento), por unidade consumidora do ambiente de contratação regulada, limitado a 20% (vinte por cento), apurada de forma cumulativa nas faturas referentes às competências de setembro a dezembro de 2021.

    À quem se aplica e não se aplica:

    O Programa de que trata o caput se aplica às unidades consumidoras do grupo B pertencentes às classes de consumo residencial, industrial, comércio, serviços e outras atividades, rural e serviço público.

    Porém, não se aplica às unidades consumidoras do grupo A pertencentes às classes de consumo poder público, iluminação pública e consumo próprio.

    Também não se aplica às unidades consumidoras que participam do sistema de compensação de créditos de energia de que trata a Resolução Normativa ANEEL nº 482, de 17 de abril de 2012.

    Base de apuração:

    O percentual de redução do consumo será aplicado sobre o montante apurado com base no consumo médio de cada unidade consumidora nas faturas referentes às competências de setembro a dezembro de 2020, desde que possuam histórico de medição.

    Os consumos utilizados para a definição da meta e a apuração de seu cumprimento devem ser proporcionalizados para o período de trinta dias.

    Como será apurado:

    O bônus apurado será informado na fatura dos consumidores ao final do estágio previsto para o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica e creditado na fatura subsequente.

    Se houver irregularidade na unidade consumidora:

    Em caso da caracterização de procedimento irregular na unidade consumidora, o crédito em fatura não será concedido, devendo ser ressarcido via fatura no caso de a caracterização ocorrer após o pagamento.

     

    Para visualizar inteiro teor da Resolução nº 2 de 31/08/2021 que instituiu o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-n-2-de-31-de-agosto-de-2021-341960096

    Economize e ganhe bônus na conta de energia Foto: shutterstock

    Economize e ganhe bônus na conta de energia

  • Foto de Rock
    Rock Diamante

    + Enquete

    Quando vê algo em promoção você:

    Vote de acordo com sua realidade.

    • 25 0
      25 pontos
      Compra por ser uma boa promoção

      Compra por ser uma boa promoção

    • 21 0
      21 pontos
      Analisa a necessidade e o seu orçamento

      Analisa a necessidade e o seu orçamento

    • 17 -1
      16 pontos
      Compra porque não terá outra oportunidade

      Compra porque não terá outra oportunidade