Espaço Rock

Um Espaço que mostra o que afeta sua Vida Financeira:

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Banco Central passa a divulgar Índice de Qualidade de Serviço do Pix

    Como tem sido a prestação do serviço Pix na instituição onde tem conta? Agora será possível acompanhar o resultado da sua instituição.

    Isso porque o Banco Central para dar mais transparência à prestação do Pix passou a divulgar desde agosto/21, os resultados dos três índices para que a população acompanhe a qualidade dos serviços prestados pelas instituições financeiras e de pagamentos, bem como o nível de disponibilidade das plataformas providas pelo BC. Serão divulgados mensalmente (sempre no dia 20, com os dados do mês anterior).

    Há três indicadores de resultados:

    1.   Índice de Qualidade de Serviço (IQS)

    Refere-se a qualidade na prestação de serviço Pix pelas instituições financeiras e instituições de pagamentos. Assim, cidadãos, empresas e entes governamentais possuem um conjunto mais completo de informações para escolher qual instituição eles querem contratar para usar o Pix.

    O IQS é composto por três índices:

    - Reclamações (IR): leva em conta reclamações de cidadãos, reclamações resolvidas e avaliação do cliente sobre atendimento prestado;

    - Disponibilidade (ID): mede o grau de disponibilidade de infraestrutura necessária para a apresentação do Pix para os usuários finais;

    - Timeouts (IT): considera a quantidade de transações que foram rejeitadas por exceder o tempo máximo estabelecido pelo BC. 

    2.  Disponibilidade do DICT

    Trata da disponibilidade das infraestruturas tecnológicas providas pelo BC. É a base que armazena as informações das Chaves Pix e respectivas contas transacionais.

    Representa o tempo em que o DICT esteve disponível para processar as consultas de chaves Pix.  

    3.  Disponibilidade do SPI

    Também trata da disponibilidade das infraestruturas tecnológicas providas pelo BC.

    O SPI é a infraestrutura de liquidação utilizada quando a transação envolve diferentes instituições. Esse índice expressa o grau de disponibilidade do SPI para os participantes.  

    O Banco Central divulgou os resultados referentes ao mês de julho. Em relação ao IQS, a grande maioria das instituições ficou com a nota máxima no resultado mensal. Quanto à Disponibilidade do DICT e Disponibilidade do SPI, a meta do BC para ambos foi de 99,90%, e o resultado de julho foi equivalente a 99,92% e 99,98%, respectivamente. ou seja, o BC teve resultado superior à meta estabelecida.

     

    Para estabelecer os índices são consideradas as Reclamações procedentes, para cada 1 milhão de transações Pix iniciadas e recebidas (são consideradas as reclamações por data de encerramento).

    1. Dentre as instituições com maior Índice de Reclamações envolvendo Pix em julho/2021, estão:

    - ABASTECE AI CLUBE AUTOMOBILISTA PAYMENT LTDA.;

    - BANCO DIGIMAIS S.A.;

    - BANQI INSTITUICAO DE PAGAMENTO LTDA;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO SICOOB ALIANÇA;

    - EWALLY TECNOLOGIA E SERVICOS S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A.;

    - PEFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO.

    I. Com maior índice Reclamações Registradas (RDR):

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO - SICOOB PAULISTA;

    - CREFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS;

    - ABASTECE AI CLUBE AUTOMOBILISTA PAYMENT LTDA;

    - BANCO DIGIMAIS S.A;

    - BANQI INSTITUICAO DE PAGAMENTO LTDA;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO SICOOB ALIANÇA;

    - EWALLY TECNOLOGIA E SERVICOS S.A;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A;

    - PEFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO.

    II. Com piores Índices de Resolução (<50%):

    - ITAÚ UNIBANCO S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    III. Com piores Índices de Satisfação (<2):

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

     

    2. NÃO atingiram a meta de Disponibilidade:

    - BANCO DO ESTADO DO PARÁ S.A.;

    - BANCO GUANABARA S.A.;

    - BANCO INBURSA S.A.;

    - CELER PROCESSAMENTO COMERCIO E SERVICO LTDA.;

    - CIELO S.A.;

    - MERCADOPAGO.COM REPRESENTACOES LTDA.;

    - BANCO BS2 S.A.;

    - NEON PAGAMENTOS S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A.;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A;

    - BANCO COOPERATIVO SICOOB S.A. - BANCO SICOOB;

    - BANESTES S.A. BANCO DO ESTADO DO ESPIRITO SANTO;

    - BPP INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTO S.A.;

    - HUB PAGAMENTOS S.A.;

    - BANCO C6 S.A.;

    - BANCO DIGIO S.A.;

    - CAIXA ECONOMICA FEDERAL;

    - BANCO ALFA S.A.;

    - BANCO MODAL S.A.;

    - BANCO TRIANGULO S.A.;

    - CONFEDERAÇÃO NACIONAL DAS COOPERATIVAS CENTRAIS DE CRÉDITO E ECONOMIA FAMILIAR E SOLIDÁRIA - CRESOL CONFEDERAÇÃO;

    - COOPERATIVA CENTRAL DE CRÉDITO – AILOS;

    - BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A.;

    - BANCO PAN S.A.;

    - BANCO TOPÁZIO S.A.;

    - MONEY PLUS SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E A EMPRESA DE PEQUENO PORTE LTDA.;

    - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A.;

    - BANCO ORIGINAL S.A.;

    - BANCO SAFRA S.A.;

    3. Com maior índice de timeouts (pelo menos 5 dias no mês em que a quantidade de transações rejeitadas por timeout foi superior que 1% das transações recebidas e pelo menos 1 dia no mês em que a quantidade de transações rejeitadas por timeout foi superior que 10% das transações recebidas:

    - BANCO OURINVEST S.A.;

    - BANCO PINE S.A.;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO RURAL DE OURO SULCREDI/OURO;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO RURAL DE SÃO MIGUEL DO OESTE - SULCREDI/SÃO MIGUEL;

    - LISTO SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A.;

    - PARANÁ BANCO S.A.;

    - PÓLOCRED SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E À EMPRESA DE PEQUENO - PORTE LTDA.;

    - BANCO PAN S.A.;

    - BANCO TOPÁZIO S.A.;

    - MONEY PLUS SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E A EMPRESA DE PEQUENO PORTE LTDA;

     

    4. Piores na classificação geral:

    - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A.;

    - BANCO ORIGINAL S.A.;

    - BANCO SAFRA S.A.

    Qualidade de Serviço do Pix Foto: shutterstock

    Qualidade de Serviço do Pix

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    PIX Saque e PIX Troco em novembro de 2021

    Segundo Nota à Impressa do Banco Central:

    “O Banco Central irá implementar no próximo dia 29 de novembro mais dois produtos da Agenda Evolutiva do Pix: o Pix Saque e o Pix Troco. "

    1) PIX Saque

    "O Pix Saque permitirá que todos os clientes de qualquer participante do Pix realizem saque em um dos pontos que ofertar o serviço. Estabelecimentos comerciais, redes de ATMs compartilhados e participantes do Pix, por meio de seus ATMs próprios, poderão ofertar o serviço. Para ter acesso aos recursos em espécie, basta que o cliente faça um Pix para o agente de saque, em dinâmica similar à de um Pix normal, a partir da leitura de um QR Code mostrado ao cliente ou a partir do aplicativo do prestador do serviço. "

    2) PIX Troco

    "No Pix Troco, a dinâmica é praticamente idêntica. A diferença é que o saque de recursos em espécie pode ser realizado durante o pagamento de uma compra ao estabelecimento. Nesse caso, o Pix é feito pelo valor total (compra + saque). No extrato do cliente aparecerá o valor correspondente ao saque e ao valor da compra.

     A oferta dos dois novos produtos da agenda evolutiva do Pix aos usuários da ferramenta é opcional, cabendo a decisão final aos estabelecimentos comerciais, às empresas proprietárias de redes de ATMs e às instituições financeiras que possuem seus próprios ATMs."

    3) Limite máximo:

    - R$ 500,00 durante o dia;

    -R$ 100,00 no período noturno (das 20 horas às 6 horas).

    3) Sem cobrança de tarifas para pessoas físicas e empresários individuais

    Gratuidade para até 8 saques por mês para pessoas físicas e MEI.

    4) Comércio pagará tarifa entre R$ 0,25 a R$ 0,95

     "Para o comércio que disponibilizar o serviço, as operações do Pix Saque e do Pix Troco representarão o recebimento de uma tarifa que pode variar de R$ 0,25 a R$ 0,95 por transação, a depender da negociação com a sua instituição de relacionamento. "

    PIX Saque e PIX Troco

    PIX Saque e PIX Troco

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Governo assegurará pagamento de RPVs e Precatórios de sentenças judiciais

    O Governo, em meio à crise causada pela pandemia do covid-19, tem buscado acelerar soluções para liquidar as sentenças judiciais procedentes que geram dívida do país para pagamento de RPVs (Requisição de Pequeno Valor) e precatórios. Há milhões de causas ajuizadas contra o Estado Brasileiro e, segundo o Ministro da Economia, não haverá calotes para pagamento dos precatórios.

    Para 2022, as despesas previstas com precatórios são de cerca de quase R$ 90 bilhões, o que equivale em torno de 93% das despesas discricionárias do Orçamento, cujo total é de R$ 96 bilhões. Houve um acréscimo de R$ 34,4 bilhões em relação a 2021.

    Foi feita uma Proposta de Emenda Constitucional – PEC nº 23/21 que vai permitir o pagamento dos precatórios.

    Quanto às pequenas causas, o Governo diz que preservará o pagamento integral das sentenças de pequeno valor. Ou seja, todas as causas ganhas abaixo de 60 salários-mínimos (hoje: R$ 66 mil) serão atendidas integralmente e instantaneamente.

    Quanto aos “super” precatórios, aqueles acima de 1.000 salários (hoje: R$ 66 milhões) serão parceladas, com entrada de 15% e nove parcelas iguais anuais. Essa foi uma regra definida permanente para os próximos anos a fim de que seja assegurada a previsibilidade para a dimensão orçamentária para capacidade de pagamento. Assim haverá menos riscos de ultrapassar a capacidade de pagamento e o cidadão não receber qualquer valor.

    Outra proposta da PEC, foi a criação de um fundo patrimonial para pagamento dos precatórios. Abastecerão esse fundo: valores decorrentes das vendas de imóveis, dos dividendos repassados por empresas estatais, das concessões e da partilha de petróleo.

    Para o Ministro da Economia é uma alternativa que permite separar gastos extraordinários e recorrer a uma fonte que permita a liquidação um pouco mais rápida dos passivos após a adequação da capacidade de pagamento.

    Porém, para a IFI - Instituição Fiscal Independente, a PEC dos precatórios pode trazer instabilidade para economia pelo risco fiscal evidente, como por exemplo, pode causar aumento dos juros.

    A PEC está na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados.


    Visualize inteiro teor da PEC 23/21 em:

    https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=2054008&filename=PEC+23/2021

    &quot;Não haverá calotes&quot; Foto: shutterstock

    "Não haverá calotes"

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Auxílio Brasil: substituto do Bolsa Família é proposto na Câmara

    Foi apresentada hoje pelo Governo Federal à Câmara do Deputados, Medida Provisória que reformula o programa Bolsa Família que visa ampliar o valor e o número de beneficiados. O novo Programa Social terá o nome de “Auxílio Brasil”.

    O valor atual do Bolsa família é de R$ 192,00. O valor garantido até agora através da MP é o aumento de 50%, o que aumentaria o benefício para R$ 300, porém, o valor será definido até setembro deste ano. A intenção do Governo é de aumentar para R$ 400,00.

    O Auxílio Brasil, diferente do Bolsa Família, abrangerá várias políticas públicas, unificando vários programas sociais.

    Tal projeto terá um custo de mais de R$ 40 bilhões para a União, o que tem ocasionado aflição entre os ministérios. Porém, segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) dos Precatórios, que será proposta ainda hoje, impedirá que esse aumento impacte o teto de gastos e assegurará a implementação dos programas sociais. Essa PEC visa parcelar o pagamento de precatórios e criar um fundo com recursos de privatização a ser destinado para aumentar o valor do futuro Auxílio Brasil.

    O Bolsa Família abrange atualmente cerca de R$ 14,6 milhões beneficiários, esse número deve aumentar para acima de 16 milhões de beneficiários.

    Além da criação do Auxílio Brasil, a MP institui o Programa Alimenta Brasil, em substituição ao Programa de Aquisição de Alimentos, na qual priorizará o atendimento às famílias beneficiárias do auxílio inclusão produtiva e atualizará as modalidades a serem executadas, bem como cria o Benefício Primeira Infância, em que famílias com crianças em primeira infância terão apoio financeiro.

    Integração de Programas Sociais Foto: shutterstock

    Integração de Programas Sociais

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    CAIXA: pioneira em várias reclamações no 2º trimestre de 2021

    A Caixa Econômica Federal foi destaque no Ranking de Reclamações dos Bancos divulgado pelo Banco Central.

    Apesar de ter melhorado o seu índice de reclamações do primeiro trimestre de 2021, com 36,20 para 32,13 no segundo trimestre, da qual ocupou, em ambos, o terceiro lugar no ranking, a Caixa se destacou como o pior banco em vários tipos de reclamações.

    Portanto, se você tem conta na caixa ou conhece alguém que tenha, saiba quais reclamações a Caixa foi pioneira no segundo trimestre de 2021:

    1- Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade dos serviços relacionados a operações de crédito;

    2- Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços disponibilizados em internet banking;

    3- Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços, exceto as relacionadas a cartão de crédito, cartão de débito, internet banking, ATM, credenciadora e operação de crédito;

    4- Pix – iniciação (casos de demora ou falha no envio do Pix pela instituição do pagador);

    5- Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de débito;

    6- Oferta ou prestação de informação sobre produtos e serviços de forma inadequada, exceto as relacionadas a cartão de crédito, conta e serviços acessórios, credenciadora de cartão e operação de crédito;

    7- Irregularidades no processo de encerramento de conta de depósitos à vista;

    8- Débito em conta não autorizado pelo cliente, ou não cumprimento das regras aplicáveis;

    9- Débito em conta não autorizado pelo cliente, ou não cumprimento das regras aplicáveis;

    10- Irregularidades relacionadas ao fornecimento de documentos relativos a operação de crédito, exceto para liquidação antecipada e descritivo do crédito;

    11- Oferta ou prestação de informação sobre operação de crédito de forma inadequada, exceto crédito consignado;

    12- Pix – liquidação (situações em que há demora ou falha no processamento do crédito na conta do beneficiário do Pix devidamente iniciado);

    13- Cancelamento de contrato a pedido do cliente não atendido;

    14- Irregularidades relacionadas ao fornecimento de outros documentos, exceto os relativos a cartão de crédito, conta e operação de crédito;

    15- Restrição à realização de portabilidade de operações de financiamento imobiliário relativas a pessoas naturais;

    16- Recusa ou dificuldade de acesso aos canais de atendimento convencionais;

    17- Irregularidades relacionadas ao Sistema de Informações de Crédito do Banco Central (SCR);

    18- Falta de transparência na redação de documentos;

    19- Não acatamento de solicitação de cancelamento de débitos automáticos em conta ou não cumprimento das regras aplicáveis;

    20- Irregularidades relacionadas ao acompanhamento de conta;

    21- Irregularidades relacionadas a registros no Cadastro de Emitentes de Cheques sem Fundos (CCF);

    22- Débito em conta de pagamento pré-paga não autorizado pelo cliente, ou não cumprimento das regras aplicáveis;

    23- Irregularidades no processo de encerramento de conta de pagamento;

    24- Irregularidades relacionadas ao Custo Efetivo Total (CET) de operação de crédito;

    25- Irregularidades relacionadas a cédulas ou moedas; e

    26- Utilização incorreta da taxa de desconto no cálculo do valor presente relacionadas às operações de financiamento imobiliário.

    Ufa! É difícil acreditar, mas a Caixa foi o pior banco do segundo trimestre deste ano em todos esses tipos de reclamações. Do total de 83 assuntos, ocupou o primeiro lugar em 26 deles, o que corresponde a 31,32%.

    É chuva de reclamações! Foto: 500px

    É chuva de reclamações!

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Aumentou o índice de reclamações contra o Banco Daycoval

    Talvez você nunca tenha ouvido falar no Banco Daycoval, mas é uma instituição financeira que existe desde 1968 e possuiu mais de um milhão de clientes. O Daycoval é um banco especializado em crédito para empresas, crédito para pessoa física (pessoal, consignado e financiamento de veículos), produtos de câmbio (comércio exterior e turismo) e investimentos.

    A Matriz do Banco Daycoval está localizada na Avenida Paulista, em São Paulo. Em sua estrutura, a companhia possui centenas de pontos de atendimento distribuídos por 21 Estados mais o Distrito Federal. O Banco atua, ainda, por meio de parcerias com operadoras e agências de turismo.

    No primeiro trimestre de 2021, dentre as instituições financeiras com menos de quatro milhões de clientes, o Daycoval ocupou o sexto lugar do ranking de Reclamações divulgado pelo Banco Central, com índice de 274,48, sendo 331 reclamações reguladas procedentes.

    Entretanto, no segundo trimestre, esse índice disparou para 777,01, sendo 1.004 reclamações reguladas procedentes, fazendo com que o Daycoval subisse para o segundo lugar no Ranking.

    Quanto ao tipo de reclamação, neste segundo trimestre, o Daycolval foi o segundo pior banco quando o assunto é oferta ou prestação de informação sobre crédito consignado de forma inadequada, com 611 reclamações reguladas procedentes, ficando atrás apenas do C6 Bank, com 2.111.

    Quanto à concessão de crédito consignado sem a formalização do título adequado, também foi o segundo pior banco, com 98 reclamações reguladas procedentes.

    Além disso, ocupou o primeiro lugar como pior banco com relação a concessão de crédito consignado mediante a formalização de título adequado com base em documentação falsa, com 41 reclamações reguladas procedentes.

    Conhece esse Banco? Foto: 500px

    Conhece esse Banco?

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Análise

    C6 Bank continua sendo o banco com mais reclamações sobre crédito consignado

    O C6 Bank, banco digital, tem se mantido nos Rankings de Reclamações dos Bancos e Financeiras divulgados pelo Banco Central.

    No ano passado, a Rock fez um ranking dos piores bancos em 2020 analisando o resultado dos 4 rankings trimestrais fornecidos pelo BC, tendo o C6 Bank ocupado o terceiro lugar.

    No primeiro trimestre deste ano, foi o banco com maior número de reclamações reguladas procedentes versus o número de clientes, dentre os bancos e financeiras com menos de quatro milhões de clientes. O índice de reclamações foi de 979,53.

    Já no segundo semestre, o C6 Bank teve uma queda significativa de reclamações, com índice de 433,76, caindo para o quarto lugar do ranking.

    Porém, quanto às reclamações de oferta ou prestação de informação sobre crédito consignado de forma inadequada, ainda que tenha diminuído de 4.217 reclamações no primeiro trimestre para 2.111 no segundo trimestre, o C6 BANK tem se mantido pioneiro neste ano.

    Quanto às irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade dos serviços relacionados a operações de crédito, o C6 BANK que estava em primeiro lugar com o maior número de reclamações (838), no primeiro trimestre, caiu para o quinto lugar, com 137 reclamações no segundo trimestre.

    Contudo, as irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de crédito subiram: de 31 reclamações no primeiro trimestre, foi para 187 no segundo.

    Da mesma forma ocorreu com relação aos serviços disponibilizados em internet banking: de 36 subiu para 219 reclamações, ocupando o terceiro lugar do ranking.

    Reclamações do C6 Bank Foto: shutterstock

    Reclamações do C6 Bank

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    BC divulga novo ranking de reclamações dos bancos e financeiras

    O Banco Central divulgou o ranking de reclamações a respeito dos Bancos e Financeiras do 2° trimestre de 2021.

    Os índices apresentados são baseados pelo número de reclamações reguladas procedentes versus o número de clientes.


    Dentre as instituições financeiras com mais de 4 milhões de clientes, estão com os maiores índices de reclamações:

     BTG PACTUAL/BANCO PAN (conglomerado) – 103,44

     2º INTER (conglomerado) – 66,79

     3º CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (conglomerado) – 32,13

      SANTANDER (conglomerado) – 28,88

      BRADESCO (conglomerado) – 25,33

      BB (conglomerado) – 21,09

      ITAU (conglomerado) – 17,59

      VOTORANTIM (conglomerado) – 4,64

      MIDWAY S.A. – CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO – 2,45

    10º NUBANK (conglomerado) – 0,00


    Bancos e financeiras com menos de quatro milhões de clientes:

     MASTER (conglomerado) – 811,55

     DAYCOVAL (conglomerado) – 777,01

    FACTA FINANCEIRA S.A. - CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO – 555,73


    Principais reclamações e sua quantidade de ocorrência:

    1º Oferta ou prestação de informação sobre crédito consignado de forma inadequada – 4.223:

    1. C6 BANK (conglomerado) – 2.111

    2. DAYCOVAL (conglomerado) - 611

    3. BRADESCO (conglomerado) - 558

    2º Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade dos serviços relacionados a operações de crédito – 2.338:

    1. CAIXA ECONÔMICA FEDERAL (conglomerado) – 621

    2. ITAU (conglomerado) - 410

    3. SANTANDER (conglomerado) - 263

    3º Irregularidades relativas à integridade, confiabilidade, segurança, sigilo ou legitimidade das operações e serviços relacionados a cartões de crédito - 2.639:

    1. ITAU (conglomerado) – 255

    2. SANTANDER (conglomerado) – 227

    3. BRADESCO (conglomerado) - 200


    Para visualizar todos os rankings acesse https://www.bcb.gov.br/ranking/index.asp?rel=outbound&frame=1

    Seu banco está no Ranking? Foto: Rock

    Seu banco está no Ranking?

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Enquete

    Qual a maior vantagem dos Bancos digitais?

    Vote de acordo com suas experiências.

    • 28 0
      28 pontos
      Praticidade

      Praticidade

    • 24 0
      24 pontos
      Não cobra taxas

      Não cobra taxas

    • 17 0
      17 pontos
      Pouca burocracia

      Pouca burocracia

    • 16 0
      16 pontos
      Eficiência dos serviços

      Eficiência dos serviços

    • 14 0
      14 pontos
      Rende mais o dinheiro.

      Rende mais o dinheiro.

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Como descobrir se há cartões emitidos ou empréstimos em meu nome sem autorização?

    O cartão de crédito é umas das principais formas de pagamento utilizada pelos consumidores no mundo e, no Brasil, são quase 52 milhões de usuários, segundo pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pelo portal Meu Bolso Feliz.

    Por sua vez, o empréstimo também é uma modalidade muito usual. Uma pesquisa conduzida pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) em 2018, revelou que dois em cada dez brasileiros recorreram a algum tipo de empréstimo.

    Assim, são também inúmeras reclamações quanto à emissão de cartão de crédito e empréstimos sem autorização que trazem muita dor de cabeça para o titular para cancelar e ser ressarcido dos prejuízos.

    O Banco Central tem uma ferramenta gratuita interessante para o consumidor descobrir se há cartões e empréstimos emitidos em seu nome de forma fraudulenta. Chama-se Registrato.

    As informações são extraídas do Sistema de Informações de Crédito (SCR), que é um banco de dados com informações sobre operações de crédito e garantias contratadas por clientes com as instituições autorizadas a funcionar pelo BC.

    Basta acessar o site do BC em bcb.gov.br e digitar “Registrato” no campo de pesquisa do site ou acessar https://www.bcb.gov.br/cidadaniafinanceira/registrato.

    Você terá acesso às informações sobre empréstimos e financiamentos em seu nome, como saldo devedor, modalidade de créditos realizados (Crédito consignado; Cheque especial; Financiamento de veículos; imóveis e outros bens; Cartão de crédito; Leasing; Operações de empréstimo e de financiamento entre pessoas por meio de plataforma eletrônica (fintechs)) e status (a vencer ou vencida) de empréstimos e financiamentos contratados por pessoa física ou jurídica em cada banco ou outra instituição autorizada a funcionar pelo Banco Central (BC).

    Também terá acesso à lista dos bancos e financeiras onde você possui conta ou outro tipo de relacionamento, como investimentos. Esse relatório permite que pessoas físicas e representantes de pessoas jurídicas: (i) acessem dados próprios, (ii) verifiquem a ocorrência de uso indevido de CPF ou CNPJ e (iii) busquem relacionamentos bancários de pessoa falecida para fins de inventário.

    Além disso, através do Registrato você também consulta: informações de chave PIX cadastradas em bancos, instituições de pagamento e outros, se você não possui conta ativa em um banco, pode emitir a certidão de Inexistência de contas em bancos; dados sobre operações de câmbio e transferências internacionais que você realizou.

    Não entre em fria! Foto: 500px

    Não entre em fria!