+ analise

Qual o impacto no Coronavírus para suas finanças?

Em 2002, tivemos o surto da SARS, o que significa síndrome respiratória aguda grave. O surto começou na China e apresentou aproximadamente 8.000 casos no mundo com cerca de 800 mortes.

De maneira bem geral, os mercados acionários caíram entre 10% a 15% durante 3 meses. Mas depois, recuperaram-se, porque a SARS foi erradicada em 2004. 

Ninguém sabe ainda a resposta do impacto do coronavírus, seja nas finanças pessoais, seja na economia brasileira, seja na economia mundial, seja nas viagens internacionais.

Portanto, o recomendável é ter uma carteira de investimentos diversificada . Em momentos de alta incerteza, pode-se ter uma carteira mais conversadora.

Coronavírus Foto: 500px

Coronavírus