Espaço Rock

Um Espaço que mostra o que afeta sua Vida Financeira:

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Análise

    Banco Central subiu a selic para 6,25% ao ano. Taxas longas acima de 10% ao ano.

    O Banco Central (COPOM) subiu a taxa de juros (selic) de 5,25% para 6,25% ao ano. Em agosto de 2020, a taxa de juros havia atingido 2,00% ao ano. Mas o aumento da inflação e deterioração fiscal fizeram a Selic alcançar 6,25%. O COPOM sinalizou que haverá um outro aumento de 1,00% na próxima reunião.

    A expectativa do IPCA para 2021 já está acima de 8% e para 2022 estaria próximo de 4%.

    Os juros futuros indicam para (23/09/2021):

    • Jan/2024: 9,525%;
    • Jan/2025: 9,86%;
    • Jan/2026: 10,05%;
    • Jan/2027: 10,25%;
    • Jan/2029: 10,51%;
    • Jan/2031: 10,68%;
    • Jan/2035: 10,86%.


    No Tesouro Selic, temos as seguintes taxas:

    • Tesouro Prefixado 2024: 9,73%;
    • Tesouro Prefixado 2026: 10,03%;
    • Tesouro Prefixado 2031 (juros semestrais): 10,60%;
    • Tesouro IPCA 2026: IPCA + 4,49%;
    • Tesouro IPCA 2035: IPCA + 4,70%;
    • Tesouro IPCA 2045: IPCA + 4,70%;
    • Tesouro IPCA 2030 (juros semestrais): IPCA + 4,61%;
    • Tesouro IPCA 2040 (juros semestrais): IPCA + 4,77%;
    • Tesouro IPCA 2055 (juros semestrais): IPCA + 4,84%.


    Devido a esse aumento dos juros, hoje, existem CDBs de pequenos bancos com taxas de 13% ao ano. Lembrando, que a garantia do FGC é de R$ 250 mil por CPF e banco, limitado a R$ 1 milhão.

    Selic voando Foto: 500px

    Selic voando

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Medidas para facilitar compra da casa própria são aprovadas

    O Conselho Curador do FGTS, durante a 181ª reunião do Conselho aprovou novas medidas para beneficiar famílias que contratarem financiamentos habitacionais do Programa Casa Verde e Amarela. Assim, o financiamento da casa própria por meio do Programa ganhou parcerias com Estados para amenizar o valor da entrada do imóvel para família com renda até R$ 4 mil.

    Segundo o Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho: “Esse subsídio diminui a necessidade da entrada, porque a grande dificuldade de se ter um imóvel, é ter o recurso suficiente para dar entrada. Não é a prestação.”

    Segundo ele, com tal parceria, os Estados se comprometem a investir na infraestrutura, entregar os terrenos, aportarem recursos para aumentar esse subsídio inicial ao invés de ser 20 ser de 40%. Assim, a prestação do imóvel vai ficar bem menor e mais acessível para um conjunto maior de brasileiros.

    Os Estados que até então já fizeram parceria são: Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Bahia, Roraima, Ceará, Alagoas e Pernambuco.

     

    Foram medidas aprovadas:

    1. Reajuste no teto do valor dos imóveis para enquadramento na habitação popular, o que ampliará a oferta de moradias a serem contratadas. A construção civil será muito beneficiada.

    2. Aumento do valor máximo do imóvel a ser financiado por meio do Programa Casa Verde e Amarela, que varia de acordo com a região e população dos municípios:

    - De 50 mil a 100 mil habitantes: aumento do limite de 15%;

    - De 20 mil a 50 mil habitantes: aumento do limite de 10%;

    - Menor que 20 mil habitantes: não há alteração;

    - Demais municípios – incluindo as capitais e respectivas regiões metropolitanas: aumento do limite de 10%.

    3. Redução dos juros para famílias com renda superior a R$ 4 mil. As taxas de juros destinadas a famílias com renda entre R$ 4 mil e R$ 7 mil, mutuárias de financiamentos habitacionais com recursos do FGTS, foram reduzidas, até o fim do próximo ano, em 0,5 ponto percentual, passando de 8,16% para 7,66% ao ano.

    A redução será ainda maior para os trabalhadores titulares de conta vinculada ao FGTS por três anos ou mais: taxas de juros anuais equivalentes a 7,16%.

    4. A menor taxa de juros da história do FGTS será estendida a todos os mutuários – antigas faixas 1,5 e 2 famílias de baixa renda (até R$ 2 mil mensais) de acordo com a sua região – as mesmas autorizadas pelo Conselho Curador em 2020. Esses beneficiários respondem por quase 80% do déficit habitacional brasileiro. Com isso, todos os mutuários inclusos no chamado Grupo 1 pagarão 4,75% de taxa de juros, se residirem nas regiões Norte ou Nordeste, e 5% caso morem nas regiões Centro-Oeste, Sudeste ou Sul.

    5. Usuários contemplados poderão ter descontos acima de R$ 30 mil no valor final do imóvel. Ressalta-se que sem tal incentivo e, considerando o recolhimento mensal de 8% sobre a sua renda, os mutuários com esse perfil de renda demorariam, no mínimo, 15 anos para atingir igual quantia a partir dos recolhimentos mensais realizados em suas contas.

    6. Estabeleceu-se uma nova metodologia de cálculo do chamado desconto complemento, que é o mecanismo que permite o pagamento, com recursos do fundo, de parte do valor da compra ou construção do imóvel, como forma de barateá-lo, reduzindo o valor do financiamento. além da renda familiar mensal bruta e o recorte territorial e populacional que já existiam, foram acrescentados três novos critérios qualitativos:

    - Capacidade de financiamento da família. Famílias com menor capacidade de financiamento receberão uma pontuação que permitirá ampliar o valor do desconto complemento, facilitando assim o acesso ao crédito.

    - Comprometimento de despesa da família em relação à renda média da unidade federativa. Quanto maior o comprometimento das famílias com as despesas, mais desconto, o que vai facilitar o acesso ao crédito e mitigar diferenças regionais.

    - Área útil do imóvel. Quanto maior a área útil do imóvel, maior será a pontuação da família que vai adquirir o desconto complemento.

     

    Com exceção das alterações do desconto nas taxas de juros, que só passarão a valer a partir de 2022, as medidas entrarão em vigor em cerca de 60 dias após a aprovação das medidas que se deu em 13/09/21.

    Os detalhes técnicos das propostas aprovadas serão regulamentados pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

     

    Para assistir vídeo completo da 181ª reunião do Conselho, acesse: https://www.youtube.com/watch?v=u47zmVTP5X4&t=8611s

    Benefícios para quem financiar pelo Programa Casa Verde e Amarela Foto: 500px

    Benefícios para quem financiar pelo Programa Casa Verde e Amarela

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Governo sanciona lei que obriga a atualização do cadastro dos beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica

    A Tarifa Social de Energia Elétrica é um benefício criado pelo Governo Federal para beneficiar as unidades residenciais de famílias com baixa renda e corresponde a um desconto na conta de energia elétrica, concedido aos primeiros 220 kWh consumidos mensalmente por clientes residenciais.

    Há redução da tarifa de consumo de energia elétrica em até 65%, para Indígenas e Quilombolas até 100%.

    Os descontos são decrescentes e cumulativos, à medida que o consumo vai evoluindo, até o limite de 220 kWh/mês, ou seja, quanto menor for o consumo, maior será o desconto na sua fatura:

    • Consumo mensal até 30kWh – desconto de 65%
    • Consumo mensal de 31 kWh a 100 kWh – desconto de 40%
    • Consumo mensal de 101 kWh a 220 kWh – desconto de 10%
    • Consumo Superior a 220 kWh – desconto de 0%

     

    A Lei 12.212, de 20 de janeiro de 2010, trata de quais consumidores poderão ser beneficiários de desconto na conta de energia elétrica.

    - Famílias que se enquadram em um dos critérios:

    • Inscritas no CadÚnico, com renda familiar mensal, por pessoa, menor ou igual a meio salário-mínimo nacional; ou
    • Usufruem do Benefício da Prestação Continuada da Assistência Social (BPC), do INSS (Instituto Nacional de Seguro Social), caracterizado pelas espécies: 87 – Amparo Assistencial ao Portador de Deficiência; ou 88 – Amparo Assistencial ao Idoso – conforme disposto nos artigos 20 e 21 da Lei 8.742 de 1993; ou​
    • Inscritas no CadÚnico com renda mensal de até três salários-mínimos, com pessoa portadora de doença ou patologia em que o tratamento ou procedimento médico exija o uso continuado de equipamentos que funcionam com energia elétrica.

     

    A referida Lei já prevê o dever de informar sobre o direito à tarifa social às famílias inscritas no CadÚnico que atendam às condições estabelecidas, contudo não previa a inscrição automática para recebimento do benefício.

    Dessa forma, o acesso ao benefício estava sendo prejudicado, seja porque havia a necessidade de as famílias de baixa renda terem de se deslocar às concessionárias para formalizarem o pedido, seja porque a baixa escolaridade dos beneficiários e a dificuldade de compreender as instruções para obtenção do benefício representava um impedimento para que o requeresse.

    Também foi constatado que os potenciais beneficiários não estariam sendo informados de forma adequada de seu direito ou não estariam sendo capazes de apresentar toda a documentação exigida para a comprovação, sendo excluídos do referido benefício, ainda que enquadrados nos requisitos da referida lei.

    Assim, visando simplificar a inscrição no programa de Tarifa Social de Energia Elétrica, o Governo sancionou a Lei nº 14.203, de 10 de setembro de 2021, para tornar obrigatória a atualização do cadastro dos beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica, adicionando um parágrafo único no art. 4º da Lei nº 12.212, de 20 de janeiro de 2010:

    “Art. 4º .........................................................................................

    Parágrafo único. O Poder Executivo e as concessionárias, permissionárias e autorizadas de serviço público de distribuição de energia elétrica deverão compatibilizar e atualizar a relação de cadastrados que atendam aos critérios fixados no art. 2º desta Lei e inscrevê-los automaticamente como beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica.

    Inscrição automática para recebimento do benefício Foto: 500px

    Inscrição automática para recebimento do benefício

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Análise

    Como limpar o seu nome no Serasa com desconto

    Sabia que tem como você limpar seu nome de forma bem simples no Serasa e com descontos incríveis? O credor pode propor acordos com até 90% de desconto.

    Isso mesmo! Nem todo mundo sabe disso, mas você pode negociar a sua dívida com o Serasa e pagar bem pouco em relação ao valor da dívida inscrita e ter o seu nome limpo rapidinho.

     

    O passo a passo é simples:

    1. Adicione o whatsApp Business do Seresa: (11) 99575-2096. Não se preocupe! Essa é a conta comercial oficial do Serasa;

    2. Mande a seguinte mensagem: “oferta” ou “acordo”;

    3. Em seguida, pedirão para informar o seu CPF para consultar suas informações. Os dados que fornecer serão tratados conforme a LGDP – Lei Geral de Proteção de Dados;

    4. Após informar o seu CPF, pedirão para informar sua data de nascimento;

    5. Suas informações serão carregadas e o Serasa te apresentará oferta de acordo para as dívidas inscritas. Tudo é especificado: empresas credoras, as dívidas, vencimento das dívidas, valores atuais das dívidas, tipo de dívida, valor e porcentagem de desconto e o valor da oferta a ser paga à vista;

    6. Darão uma opção para escolha: 1- gerar boleto à vista e 2- voltar para ofertas;

    7. Escolhendo a opção 1, o Serasa conclui o acordo e gera o boleto enviando a você os termos de uso para aceitar ou não;

    8. Teclando em Sim para gerar o acordo, um código de barras e o arquivo PDF do boleto é lhe enviado para efetuar o pagamento;

    9. Confira todos os dados constantes do boleto do acordo firmado antes de realizar o pagamento.

     

    Pronto! As dívidas negativadas podem ser excluídas do seu nome em até 5 (cinco) dias úteis após o pagamento. Caso este prazo passe e a dívida não seja excluída do cadastro de inadimplentes, entre em contato diretamente com a empresa com quem você negociou.

    Lembre-se que: a exclusão de todas as dívidas negativadas se dará apenas se você conseguir pagar todas elas.

    É possível que você não encontre a empresa com quem gostaria de negociar. Isso pode acontecer se a empresa não for uma das parceiras do Serasa ou se ela não possuir uma oferta de negociação para a sua dívida.

    Outros serviços são disponibilizados serão disponibilizados outros serviços que realizar: ofertas, acordos, segunda via do boleto, score, premium, eCred e Cadastro Positivo.

    A partir do momento que enviar mensagem, tudo é bem explicado e você seguirá os passos de acordo com o seu interesse.

     

    Serasa Limpa Nome

    Essa possibilidade de acordo é fruto do Serasa Limpa Nome, uma ferramenta que permite a interação entre os credores parceiros do Serasa e os seus devedores, cujas dívidas vencidas e não pagas tenham ou não sido incluídas no cadastro de inadimplentes.

    As ofertas de negociação de dívidas são incluídas no Limpa Nome pelas empresas credoras, de acordo com as políticas internas de cada uma delas, sem nenhuma interferência do Serasa.

    Assim, a responsabilidade pela oferta e condições do acordo, geração dos boletos, recebimento de valores e cobrança das dívidas é exclusiva das empresas credoras.

    As empresas credoras poderão incluir ofertas para negociar as suas dívidas, classificadas no Limpa Nome da seguinte forma:

    i. Dívidas Negativadas: são as que foram negativadas pelas empresas credoras no cadastro de inadimplentes do Serasa;

    ii. Contas Atrasadas: são as dívidas com o prazo de pagamento vencido, mas que não estão negativadas no cadastro de inadimplentes do Serasa. Dívidas vencidas há mais de 5 anos não são negativadas.

    iii. Demais dívidas poderão ou não ser incluídas no Cadastro de Inadimplentes do Serasa, a critério da empresa credora, de acordo com as suas políticas internas. A inclusão de dívidas no Cadastro de Inadimplentes somente é realizada após envio de comunicação prévia específica para esta finalidade.

    Dívidas vencidas e não pagas podem ser incluídas no cadastro de inadimplentes do Serasa a critério exclusivo da empresa credora. Dívidas com mais de 5 anos não são incluídas no cadastro de inadimplentes.

    As simples ofertas de acordo para pagamento de “contas atrasadas” de sua titularidade, que venham a ser cadastradas pelos seus credores na plataforma Serasa Limpa Nome, não são utilizadas no cálculo do seu Serasa Score. Entretanto, se você optar por aceitar algum dos acordos, o seu pagamento poderá gerar bonificações em sua pontuação (indicadas no site como “Turbo”).

    Mas atenção: para manutenção das bonificações geradas pelo Turbo, é importante não atrasar nenhum pagamento, pois a quebra do acordo ou o cadastramento de novas propostas pelos seus credores podem acarretar a perda da bonificação do Turbo. Assim, você tem ciência e concorda que a Serasa Experian pode utilizar a informação de pagamento de acordos negociados por meio da plataforma do Serasa Limpa Nome, nos termos da legislação vigente, no cálculo do seu Serasa Score com a finalidade de proteção ao crédito a fim de apoiar os clientes que contratam as soluções da Serasa Experian a realizar negócios e análises de risco de crédito, administrar a carteira de clientes e gerenciar cobranças.

    Caso você tenha alguma dúvida sobre as propostas de negociação ou condições de pagamento, entre em contato com a empresa credora pelos canais de atendimento apresentados no momento da negociação.

    Limpe seu nome sujo Foto: shutterstock

    Limpe seu nome sujo

    • Foto de Nure
      Nure

      Fiz isso e tive desconto de 60% :) Obrigada por isso!

      +
  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Banco Central passa a divulgar Índice de Qualidade de Serviço do Pix

    Como tem sido a prestação do serviço Pix na instituição onde tem conta? Agora será possível acompanhar o resultado da sua instituição.

    Isso porque o Banco Central para dar mais transparência à prestação do Pix passou a divulgar desde agosto/21, os resultados dos três índices para que a população acompanhe a qualidade dos serviços prestados pelas instituições financeiras e de pagamentos, bem como o nível de disponibilidade das plataformas providas pelo BC. Serão divulgados mensalmente (sempre no dia 20, com os dados do mês anterior).

    Há três indicadores de resultados:

    1.   Índice de Qualidade de Serviço (IQS)

    Refere-se a qualidade na prestação de serviço Pix pelas instituições financeiras e instituições de pagamentos. Assim, cidadãos, empresas e entes governamentais possuem um conjunto mais completo de informações para escolher qual instituição eles querem contratar para usar o Pix.

    O IQS é composto por três índices:

    - Reclamações (IR): leva em conta reclamações de cidadãos, reclamações resolvidas e avaliação do cliente sobre atendimento prestado;

    - Disponibilidade (ID): mede o grau de disponibilidade de infraestrutura necessária para a apresentação do Pix para os usuários finais;

    - Timeouts (IT): considera a quantidade de transações que foram rejeitadas por exceder o tempo máximo estabelecido pelo BC. 

    2.  Disponibilidade do DICT

    Trata da disponibilidade das infraestruturas tecnológicas providas pelo BC. É a base que armazena as informações das Chaves Pix e respectivas contas transacionais.

    Representa o tempo em que o DICT esteve disponível para processar as consultas de chaves Pix.  

    3.  Disponibilidade do SPI

    Também trata da disponibilidade das infraestruturas tecnológicas providas pelo BC.

    O SPI é a infraestrutura de liquidação utilizada quando a transação envolve diferentes instituições. Esse índice expressa o grau de disponibilidade do SPI para os participantes.  

    O Banco Central divulgou os resultados referentes ao mês de julho. Em relação ao IQS, a grande maioria das instituições ficou com a nota máxima no resultado mensal. Quanto à Disponibilidade do DICT e Disponibilidade do SPI, a meta do BC para ambos foi de 99,90%, e o resultado de julho foi equivalente a 99,92% e 99,98%, respectivamente. ou seja, o BC teve resultado superior à meta estabelecida.

     

    Para estabelecer os índices são consideradas as Reclamações procedentes, para cada 1 milhão de transações Pix iniciadas e recebidas (são consideradas as reclamações por data de encerramento).

    1. Dentre as instituições com maior Índice de Reclamações envolvendo Pix em julho/2021, estão:

    - ABASTECE AI CLUBE AUTOMOBILISTA PAYMENT LTDA.;

    - BANCO DIGIMAIS S.A.;

    - BANQI INSTITUICAO DE PAGAMENTO LTDA;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO SICOOB ALIANÇA;

    - EWALLY TECNOLOGIA E SERVICOS S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A.;

    - PEFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO.

    I. Com maior índice Reclamações Registradas (RDR):

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO DE LIVRE ADMISSÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO - SICOOB PAULISTA;

    - CREFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTOS;

    - ABASTECE AI CLUBE AUTOMOBILISTA PAYMENT LTDA;

    - BANCO DIGIMAIS S.A;

    - BANQI INSTITUICAO DE PAGAMENTO LTDA;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO SICOOB ALIANÇA;

    - EWALLY TECNOLOGIA E SERVICOS S.A;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A;

    - PEFISA S.A. - CRÉDITO, FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO.

    II. Com piores Índices de Resolução (<50%):

    - ITAÚ UNIBANCO S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

    III. Com piores Índices de Satisfação (<2):

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A;

     

    2. NÃO atingiram a meta de Disponibilidade:

    - BANCO DO ESTADO DO PARÁ S.A.;

    - BANCO GUANABARA S.A.;

    - BANCO INBURSA S.A.;

    - CELER PROCESSAMENTO COMERCIO E SERVICO LTDA.;

    - CIELO S.A.;

    - MERCADOPAGO.COM REPRESENTACOES LTDA.;

    - BANCO BS2 S.A.;

    - NEON PAGAMENTOS S.A.;

    - CACTVS INSTITUICAO DE PAGAMENTO S.A.;

    - COMPANHIA GLOBAL DE SOLUCOES E SERVICOS DE PAGAMENTOS S.A;

    - BANCO COOPERATIVO SICOOB S.A. - BANCO SICOOB;

    - BANESTES S.A. BANCO DO ESTADO DO ESPIRITO SANTO;

    - BPP INSTITUIÇÃO DE PAGAMENTO S.A.;

    - HUB PAGAMENTOS S.A.;

    - BANCO C6 S.A.;

    - BANCO DIGIO S.A.;

    - CAIXA ECONOMICA FEDERAL;

    - BANCO ALFA S.A.;

    - BANCO MODAL S.A.;

    - BANCO TRIANGULO S.A.;

    - CONFEDERAÇÃO NACIONAL DAS COOPERATIVAS CENTRAIS DE CRÉDITO E ECONOMIA FAMILIAR E SOLIDÁRIA - CRESOL CONFEDERAÇÃO;

    - COOPERATIVA CENTRAL DE CRÉDITO – AILOS;

    - BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A.;

    - BANCO PAN S.A.;

    - BANCO TOPÁZIO S.A.;

    - MONEY PLUS SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E A EMPRESA DE PEQUENO PORTE LTDA.;

    - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A.;

    - BANCO ORIGINAL S.A.;

    - BANCO SAFRA S.A.;

    3. Com maior índice de timeouts (pelo menos 5 dias no mês em que a quantidade de transações rejeitadas por timeout foi superior que 1% das transações recebidas e pelo menos 1 dia no mês em que a quantidade de transações rejeitadas por timeout foi superior que 10% das transações recebidas:

    - BANCO OURINVEST S.A.;

    - BANCO PINE S.A.;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO RURAL DE OURO SULCREDI/OURO;

    - COOPERATIVA DE CRÉDITO RURAL DE SÃO MIGUEL DO OESTE - SULCREDI/SÃO MIGUEL;

    - LISTO SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A.;

    - PARANÁ BANCO S.A.;

    - PÓLOCRED SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E À EMPRESA DE PEQUENO - PORTE LTDA.;

    - BANCO PAN S.A.;

    - BANCO TOPÁZIO S.A.;

    - MONEY PLUS SOCIEDADE DE CRÉDITO AO MICROEMPREENDEDOR E A EMPRESA DE PEQUENO PORTE LTDA;

     

    4. Piores na classificação geral:

    - BANCO MERCANTIL DO BRASIL S.A.;

    - BANCO ORIGINAL S.A.;

    - BANCO SAFRA S.A.

    Qualidade de Serviço do Pix Foto: shutterstock

    Qualidade de Serviço do Pix

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Bônus de desconto na conta de energia: Programa de Incentivo já está valendo

    Até agora o que se sabe é que, até 22 de abril de 2022, a conta de luz terá uma nova bandeira tarifária: escassez hídrica que aumentará em 6,78% a conta de luz dos brasileiros.

    Quanto mais economizarmos energia, melhor para o nosso bolso, não é mesmo?

    Em 31/08/2021 foi instituído o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica criado pela Creg (Câmara de Regras Excepcionais para Gestão Hidroenergética), com o objetivo de estabelecer medidas emergenciais para o enfrentamento da atual situação de escassez hídrica, a fim de garantir a continuidade e a segurança do suprimento eletroenergético no País.

    O primeiro estágio do Programa vigerá por quatro ciclos de faturamento, contados a partir de 1º de setembro de 2021.

    Quem economizar poderá receber um bônus de R$ 50,00 por 100 KWh reduzidos, limitado à faixa de economia entre 10% e 20%. Cidadãos de baixa renda que aderem à tarifa social também poderão participar.

    Como será aplicado:

    Será concedido bônus em fatura, no valor de R$ 50,00 (cinquenta reais) para cada 100 (cem) kWh, em contrapartida da redução média verificada do consumo de energia elétrica em montante igual ou superior a 10% (dez por cento), por unidade consumidora do ambiente de contratação regulada, limitado a 20% (vinte por cento), apurada de forma cumulativa nas faturas referentes às competências de setembro a dezembro de 2021.

    À quem se aplica e não se aplica:

    O Programa de que trata o caput se aplica às unidades consumidoras do grupo B pertencentes às classes de consumo residencial, industrial, comércio, serviços e outras atividades, rural e serviço público.

    Porém, não se aplica às unidades consumidoras do grupo A pertencentes às classes de consumo poder público, iluminação pública e consumo próprio.

    Também não se aplica às unidades consumidoras que participam do sistema de compensação de créditos de energia de que trata a Resolução Normativa ANEEL nº 482, de 17 de abril de 2012.

    Base de apuração:

    O percentual de redução do consumo será aplicado sobre o montante apurado com base no consumo médio de cada unidade consumidora nas faturas referentes às competências de setembro a dezembro de 2020, desde que possuam histórico de medição.

    Os consumos utilizados para a definição da meta e a apuração de seu cumprimento devem ser proporcionalizados para o período de trinta dias.

    Como será apurado:

    O bônus apurado será informado na fatura dos consumidores ao final do estágio previsto para o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica e creditado na fatura subsequente.

    Se houver irregularidade na unidade consumidora:

    Em caso da caracterização de procedimento irregular na unidade consumidora, o crédito em fatura não será concedido, devendo ser ressarcido via fatura no caso de a caracterização ocorrer após o pagamento.

     

    Para visualizar inteiro teor da Resolução nº 2 de 31/08/2021 que instituiu o Programa de Incentivo à Redução Voluntária do Consumo de Energia Elétrica: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/resolucao-n-2-de-31-de-agosto-de-2021-341960096

    Economize e ganhe bônus na conta de energia Foto: shutterstock

    Economize e ganhe bônus na conta de energia

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Enquete

    Qual o pior fator de um empréstimo?

    Vote de acordo com suas experiências.

    • 28 0
      28 pontos
      Juros altos

      Juros altos

    • 14 0
      14 pontos
      Falta de informações claras

      Falta de informações claras

    • 10 0
      10 pontos
      O tempo para quitar

      O tempo para quitar

    • 10 0
      10 pontos
      Dificuldade de renegociação

      Dificuldade de renegociação

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    PIX Saque e PIX Troco em novembro de 2021

    Segundo Nota à Impressa do Banco Central:

    “O Banco Central irá implementar no próximo dia 29 de novembro mais dois produtos da Agenda Evolutiva do Pix: o Pix Saque e o Pix Troco. "

    1) PIX Saque

    "O Pix Saque permitirá que todos os clientes de qualquer participante do Pix realizem saque em um dos pontos que ofertar o serviço. Estabelecimentos comerciais, redes de ATMs compartilhados e participantes do Pix, por meio de seus ATMs próprios, poderão ofertar o serviço. Para ter acesso aos recursos em espécie, basta que o cliente faça um Pix para o agente de saque, em dinâmica similar à de um Pix normal, a partir da leitura de um QR Code mostrado ao cliente ou a partir do aplicativo do prestador do serviço. "

    2) PIX Troco

    "No Pix Troco, a dinâmica é praticamente idêntica. A diferença é que o saque de recursos em espécie pode ser realizado durante o pagamento de uma compra ao estabelecimento. Nesse caso, o Pix é feito pelo valor total (compra + saque). No extrato do cliente aparecerá o valor correspondente ao saque e ao valor da compra.

     A oferta dos dois novos produtos da agenda evolutiva do Pix aos usuários da ferramenta é opcional, cabendo a decisão final aos estabelecimentos comerciais, às empresas proprietárias de redes de ATMs e às instituições financeiras que possuem seus próprios ATMs."

    3) Limite máximo:

    - R$ 500,00 durante o dia;

    -R$ 100,00 no período noturno (das 20 horas às 6 horas).

    3) Sem cobrança de tarifas para pessoas físicas e empresários individuais

    Gratuidade para até 8 saques por mês para pessoas físicas e MEI.

    4) Comércio pagará tarifa entre R$ 0,25 a R$ 0,95

     "Para o comércio que disponibilizar o serviço, as operações do Pix Saque e do Pix Troco representarão o recebimento de uma tarifa que pode variar de R$ 0,25 a R$ 0,95 por transação, a depender da negociação com a sua instituição de relacionamento. "

    PIX Saque e PIX Troco

    PIX Saque e PIX Troco

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Notícia

    Imposto de Renda e Dividendos: Câmara aprova texto base

    A Câmara de deputados aprovou o Texto Base para a taxação de 15% sobre lucros e dividendos. Por outro lado, haverá uma redução do Imposto de Renda para Pessoa Jurídica e CSLL.

    a) IRPJ cairia de 25% para 18%;

    b) CSLL cairia de 9% para 8%.

    Outro destaque seria a isenção da taxação de dividendos para empresas do Simples e Lucro Presumido até R$ 4,8 milhões de faturamento. Existe uma discussão de avaliar a possibilidade de escolha da empresa entre o novo ou antigo regime.

    IRPF

    A isenção do Imposto de Renda Pessoa Física sobe de R$ 1.903,98 para R$ 2.500,00 por mês.

    -Faixa 1: Isento até R$ 2.500

    -Faixa 2: De R$ 2.500,01 a R$ 3.200: 7,5%

    -Faixa 3: De R$ 3.200,01 a R$ 4.250: 15%

    -Faixa 4: De 4.250,01 a R$ 5.200: 22,5%

    -Faixa 5: Acima de R$ 5.200,01: 27,5%

    Impostos e Dividendos

    Impostos e Dividendos

  • Foto de Rock
    Rock Rubi

    + Análise

    Fuja de quase todos VGBLs e de vários PGBLs com altas taxas de administração

    Muita gente investe mensalmente nos VGBLs e PGBLs para ter recursos para a aposentadoria.

    Geralmente, a maioria dos VGBLs não rendem mais que o Tesouro Selic, bem como vários PGBLs perdem para a Selic.

    Outro ponto negativo refere-se ao prazo longo para aproveitar o imposto regressivo.

    Vamos aos exemplos:

    Prazo 20 anos, taxa de administração de 2% ao ano, rentabilidade de 100% do CDI.

    Imposto Regressivo:

    a) PGBL com benefício fiscal: R$ 574.535

    b) PGBL sem benefício fiscal: R$ 416.632

    c) VGBL: R$ 426.582

    Tesouro Direto Selic: R$ 584.250


    Imposto Progressivo:

    a) PGBL com benefício fiscal: R$ 462.820

    b) PGBL sem benefício fiscal: R$ 335.620

    c) VGBL: R$ 362.982

    Tesouro Direto Selic: R$ 584.250

    Com taxa de administração de 2% ao ano, o Tesouro Selic é melhor que os VGBLs e PGBLs.


    Vamos reduzir a taxa de administração:

    Prazo 20 anos, taxa de administração de 1% ao ano, rentabilidade de 100% do CDI.

    Imposto Regressivo:

    PGBL com benefício fiscal: R$ 699.669

    PGBL sem benefício fiscal: R$ 563.622

    VGBL: R$ 517.324

    Tesouro Direto Selic: R$ 584.250


    Imposto Progressivo:

    PGBL com benefício fiscal: R$ 563.622

    PGBL sem benefício fiscal: R$ 408.718

    VGBL: R$ 436.080

    Tesouro Direto Selic: R$ 584.250

    Com taxa de administração de 1%, o PGBL com benefício fiscal apresenta melhor rentabilidade que o Tesouro Selic.

    Para mais simulações utilize:

    https://rock.com.br/simuladores/previdencia/

    Para quem já tem um PGBL ou VGBL com altas taxas de administração, a recomendação é realizar a Portabilidade de PGBL e VGBL para encontar um banco com menores taxas de administração. Não saque e aplique, porque o benefício do imposto passa novamente a contar do zero.

    Pesquise as taxas dos VGBLs e PGBLs em:

    https://rock.com.br/seu-banco/taxas/previdencia/

    Fuja dos VGBLs e vários PGBLs Foto: 500px

    Fuja dos VGBLs e vários PGBLs