Espaço Rock

Um Espaço que mostra o que afeta sua Vida Financeira:

  • + enquete

    Qual o maior efeito causado pela dívida na vida das pessoas?

    Escolham aquilo que mais acontece na vida da pessoa endividada.

    • 18 0
      18 pontos
      Relacionamento familiar abalado

      Relacionamento familiar abalado

    • 17 0
      17 pontos
      Aumento do estresse/preocupação

      Aumento do estresse/preocupação

    • 16 0
      16 pontos
      Desmotivação

      Desmotivação

    • 15 0
      15 pontos
      Destruição da saúde mental/física

      Destruição da saúde mental/física

    • 11 -1
      10 pontos
      Morte espiritual

      Morte espiritual

  • + noticia

    Justiça Trabalhista autoriza trabalhador a sacar o FGTS em estado de calamidade do coronavírus.

    A desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT-1), Raquel de Oliveira Maciel, autorizou um trabalhador a sacar o montante depositado em sua conta vinculada.

    Tal decisão foi proferida com base na lei do FGTS (Lei 8.306/90 - artigo 20, inciso XVI, alínea "a"), que permite o saque em situações de calamidade pública.

    Tal dispositivo de lei prevê os casos em que o trabalhador é residente em "áreas comprovadamente atingidas de Município ou do Distrito Federal em situação de emergência ou em estado de calamidade pública, formalmente reconhecidos pelo Governo Federal.

    Como o estado de calamidade pública decorrente da pandemia de coronavírus (Covid-19) foi reconhecido pelo Congresso Nacional, através do Decreto Legislativo 6/20, a desembargadora autorizou o saque.

    Uma saída para o trabalhador. Foto: 500px

    Uma saída para o trabalhador.

    • Foto de Ivo Barbosa
      Ivo Barbosa

      Quando e onde o trabalhador que tem conta do FGTS ativa e inativa poderá efetuar o saque?

      • Foto de RockTheBank
        RockTheBank

        O artigo 20, XVI, da Lei 8.036/1990, permite que a conta do FGTS seja movimentada em situação de necessidade pessoal, cuja urgência e gravidade decorra de desastre natural. Na alínea "a" do mesmo dispositivo, prevê que, para o trabalhador sacar a quantia, deve haver estado de calamidade pública decretado pela União Federal ou estado de emergência na área em que ele mora.

        Na situação de estado de calamidade pública, a qual já foi decretada pelo Congresso Nacional, a sistemática para o levantamento dos valores do FGTS é a do "saque-rescisão" — a mesma de quando o empregado é demitido sem justa causa.

        Portanto, o pedido pode ser feito diretamente em uma agência da Caixa levando consigo todos os documentos pessoais.

        Havendo negativa do banco em realizar o referido saque, acione a Justiça do Trabalho, através de liminar para autorizar o saque dos valores, para não ser necessário esperar até o fim do processo, com fundamento no Decreto Legislativo 6/2020 que decretou estado de calamidade pública no Brasil.

        Com a concessão da liminar, será expedido alvará para que o trabalhador, em posse do mesmo, se dirija até qualquer agência Caixa do respectivo Estado para saque.

        +
      • Foto de Ivo Barbosa
        Ivo Barbosa

        Obrigado pela resposta, esclareceu minha dúvida.

        +
      +
  • + enquete

    Qual o maior obstáculo encontrado na compra do imóvel próprio?

    Escolham o problema que mais impede as pessoas de comprarem o imóvel próprio.

    • 20 0
      20 pontos
      Juros altos

      Juros altos

    • 17 0
      17 pontos
      Valor alto da casa versus a renda

      Valor alto da casa versus a renda

    • 15 -3
      12 pontos
      Perfil de crédito reprovado

      Perfil de crédito reprovado

    • 15 -3
      12 pontos
      Custos extras: taxas e impostos

      Custos extras: taxas e impostos

    • 14 -4
      10 pontos
      Alto valor exigido de entrada

      Alto valor exigido de entrada

  • + noticia

    Governo financiará salário dos funcionários de pequenas e médias empresas por 2 meses

    O Governo financiará o salário de 2 meses das pequenas e médias empresas com taxa de juros de 3,75% ao ano, carência de 6 meses e prazo de 30 meses.

    Como requisito, durante os 2 meses de financiamento da folha, as empresas não poderão demitir funcionários.

    Terão direito as empresas com faturamento de R$ 360 mil a R$ 10 milhões por ano. Quem vai operacionalizar é banco, onde a empresa paga a folha de pagamento.

    O volume total liberado pelo governo soma R$ 40 bilhões.

    Enfrentando a crise Foto: 500px

    Enfrentando a crise

  • + noticia

    R$ 600 por 3 meses para trabalhadores informais

    Devido a crise do Covid-19, os trabalhadores informais receberão R$ 600 por 3 meses e as mães que são chefe de família (família monoparental), duas cotas, no total de R$ 1.200.

    Os requisitos são:

    - Ser maior de 18 anos de idade.

    - Não ter emprego formal ou ter contrato de renda intermitente ativo.

    - Exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI).

    - Não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal, com exceção do Bolsa Família.

    - Renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos (R$ 3.135,00).

    - Não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70.

    - Ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);

    - Ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal ;

    Esperança Foto: 500px

    Esperança

  • + enquete

    Qual o melhor tipo de carro para comprar, analisando custo/benefício?

    Votem no tipo de carro que tenha menos custo e mais benefício.

    • 18 0
      18 pontos
      Hatches compactos

      Hatches compactos

    • 18 0
      18 pontos
      Sedãs (compactos, médios e de luxo)

      Sedãs (compactos, médios e de luxo)

    • 14 -2
      12 pontos
      Picapes médias

      Picapes médias

    • 14 -3
      11 pontos
      SUVs

      SUVs

  • + analise

    Dificuldade de pausar ou adiar 2 prestações da dívida nos bancos

    Devido ao COVID-19, os grandes bancos anunciaram a suspensão ou pausa de 2 parcelas das dívidas de casa, carro e outros créditos.

    Os bancos foram Caixa Econômica, Banco do Brasil, Itaú, Bradesco e Santander. Mas os clientes têm encontrado dificuldade, seja pela falta de atendimento e pela falta de conhecimento do assunto.

    Existem relatos de bancos oferecendo novos empréstimos, novos contratos com prazos maiores e juros maiores.

    Os bancos estão classificando essa operação como uma repactuação ou refinanciamento. Os bancos exigem que os clientes estejam em dia no pagamento das prestações para solicitar a pausa de 2 meses.

    Está com problemas com os bancos? Faça sua reclamação aqui na Rock e te ajudaremos.

    Sozinho? Foto: 500px

    Sozinho?

  • + noticia

    Caixa Econômica concede pausa de 60 dias para pagamento de dívidas

    Veja abaixo os produtos:

    1) CDC, Crédito Pessoal e Microcrédito: Pausa de 60 dias no pagamento das parcelas.

    Requisito: 11 parcelas pagas e com até 19 dias de atraso.

    2) Consignado. Na renovação do consignado, haverá pausa de até 60 dias no pagamento.

    Busque a pausa de 2 prestações neste momento de crise do COVID-19. O objetivo é ter mais reserva para suportar a crise.

    Maior tranquilidade Foto: 500px

    Maior tranquilidade

  • + analise

    Suspenda 2 prestações do financiamento da sua casa na Caixa Econômica

    A Caixa Econômica Federal anunciou que as pessoas físicas poderiam solicitar a pausa de 2 prestações do financiamento imobiliário.

    A Caixa divulgou que houve mais de 100 mil pedidos para a suspensão do pagamento de 2 prestações.

    Se você ainda não solicitou a pausa 2 prestações, então vá em uma agência e faça isso. Isso vai ajudar na preservação da sua renda mensal neste momento de crise do COVID-19.

    Pausa de 2 prestações Foto: 500px

    Pausa de 2 prestações

  • + enquete

    O que mais motiva as pessoas a trabalharem?

    Escolham o principal motivo para que as pessoas queiram trabalhar.

    • 23 0
      23 pontos
      Independência financeira

      Independência financeira

    • 21 0
      21 pontos
      Satisfação pessoal

      Satisfação pessoal

    • 21 0
      21 pontos
      Crescimento e conhecimento

      Crescimento e conhecimento

    • 21 0
      21 pontos
      Constituir família

      Constituir família

    • 18 -1
      17 pontos
      Adquirir bens

      Adquirir bens