6

Eu irei receber uma quantia em dinheiro dos tempos que trabalhei porém tenho uma dívida no banco.

Com o valor da para eu pagar tudo mas não consegui trabalho ainda então, não gostaria de ficar sem uma reserva. Pensei em pagar o cheque especial e deixar o valor do cartão, até que eles me ofereçam uma proposta para fazer o pagamento. É um bom negócio? Ou seria mais vantajoso pagar tudo de uma vez ?

Respostas (1)
6

Não é bom negócio pagar o cheque especial e deixar o cartão de crédito. Ambos os produtos possuem taxa de juros muito elevados. Nossa recomendação, é pagar as dívidas conjuntamente. A estratégia seria:

1) Guarde o dinheiro em um investimento. Pode ser até a poupança. Mas recomenda-se o Tesouro Direto Selic. Será necessário abrir uma conta digital na XP Investimentos ou BTG Pactual Digital (sugestões).

2) Tenha paciência para renegociar a dívida. Espere, até o banco conceder um bom desconto dos juros e multas. Tem processos que demoram 2 a 3 anos. Lembre-se que depois de 5 anos, ocorre a prescrição da cobrança da dívida. Bem como, depois de 5 anos, seu nome sai da lista do SPC e Serasa.

3) Depois de conseguir um bom desconto da dívida, pague tudo à vista com o dinheiro que ficou investido.

Mas caso, decida pagar uma dívida. Pague primeiro a dívida do cartão de crédito, pois os juros do cartão são elevados com taxas de 200% a 300% ao ano. Enquanto, no cheque especial, o Banco Central limitou a taxa máxima em 152% ao ano (8% ao mês).

Foto de RockTheBank

Foto de GIA
GIA Safira

Acesso grátis a todo conteúdo. Seja um Rocker!

Para acessar sem limites a nossa plataforma, entre para a Rock The Bank e conecte-se.